como escolher um mecânico
Para o dono do carro Revisão

Mecânico de carros: como encontrar um profissional de confiança?

COMPARTILHE:

O mecânico que faz a manutenção do seu carro é como um médico da família. Deve ser uma pessoa confiável, que saiba o que está fazendo e que tenha boas referências. Mas, muitas vezes, é difícil analisar o quanto a oficina é adequada, ou balancear custo e benefício do serviço, pois são muitas coisas a serem consideradas.

Nem sempre uma indicação garante que o serviço é de confiança. Quando se trata de manutenção, é preciso ter um bom olho para identificar quando um serviço está sendo bem feito, pois isso é o que vai garantir a sua segurança e a do seu veículo.

Veja a seguir algumas dicas e saiba como como encontrar um profissional realmente competente e não passar sufoco!

Veja também:

> 9 sinais de problemas na suspensão

> Como escolher as melhores peças de reposição para o seu carro?

>Como identificar um serviço mecânico de qualidade?

 

Consulte o SINDIREPA

Existem alguns órgãos regulamentadores que certificam as oficinas com um determinado padrão de qualidade na manutenção do seu carro. O Sindicato da Indústria de Reparação de Veículos e Acessórios do Estado de São Paulo (Sindirepa) oferece um espaço em seu site para esclarecimento de dúvidas dos consumidores.

Lá, também é possível encontrar um catálogo de oficinas credenciadas, que garante a qualidade dos serviços prestados. É uma boa maneira de ter uma primeira referência em relação à confiabilidade do estabelecimento.

Procure pelo selo de qualidade do IQA

Oficinas devidamente credenciadas são acompanhadas de perto pelos órgãos fiscalizadores, o que dificulta a ocorrência de fraudes e serviços mal feitos. Um desses órgãos é o Instituto da Qualidade Automotiva (IQA), que certifica locais com nível de excelência na prestação dos serviços de manutenção.

Com essa fiscalização, fica mais difícil usar peças irregulares e sem garantia de qualidade, o que significa maior segurança para o cliente e peças mais duráveis para seu carro.

Preste atenção aos detalhes

Procure uma oficina mecânica que tenha uma boa estética. Isso é importante, pois diz muito sobre a organização da empresa, o que tem impacto direto na qualidade do serviço prestado.

Oficinas mal arrumadas, com ferramentas jogadas no chão e sem padrão de trabalho dificilmente vão realizar a manutenção do seu veículo com a cautela necessária para se evitar acidentes.

Procure saber sobre as parcerias

Se a oficina mostra que tem parcerias com montadoras e fornecedores de peças bem vistos no mercado, conte um ponto a mais para ela também. Saber que existem parcerias com grandes empresas é sinal de competência por parte da oficina e pode ser considerado um indicador de confiança para seu mecânico.

Procure sempre pelas marcas de destaque no mercado automotivo, principalmente se tratando de contratos com a oficina.

Faça uma vistoria antes de realizar o serviço

Realizar a vistoria é uma das principais precauções para o consumidor, pois é uma forma de identificar os problemas do carro antes de realizar a manutenção. É muito comum pessoas mandarem o carro para o conserto, realizarem a manutenção sem orçamento e descobrirem depois que devem uma fortuna para a oficina.

Para que isso seja evitado, solicite vistorias para o seu veículo sempre que decidir realizar manutenção nele. Esse procedimento é uma forma de proteção para o consumidor, pois é elaborado um documento descritivo sobre as condições do carro e sobre as medidas a serem tomadas durante a manutenção.

Nele, devem ser listados os problemas identificados nos mecanismos internos do veículo, bem como o estado geral, a ocorrência de arranhões, amassados e outras avarias. Caso a oficina se recuse a realizar a vistoria, procure outro lugar para deixar seu carro.

Saiba conversar com o seu mecânico

Assim como numa consulta médica, é importante ter uma segunda opinião profissional sempre que possível. Então, é altamente recomendado listar os problemas que você identificou no carro de maneira detalhada, estudar o tipo de ocorrência que causa esses problemas e comparar a opinião de, pelo menos, duas oficinas.

Se a solução apontada para o problema fizer sentido segundo as suas fontes, peça para ver a peça que será instalada no lugar daquela que falhou. Também é interessante ver a peça com a falha após ela ser retirada do carro, para ter uma ideia melhor do problema apontado.

Se for preciso, peça para verificar as opções de partes a serem trocadas, comparando as oferecidas pela concessionária e com marcas independentes do mercado de reposição. É comum que um mesmo fabricante venda peças para a montadora e para empresas que atuam apenas no mercado de reposição, o que significa que a qualidade do produto original pode ser oferecida também por outros fornecedores.

Esteja sempre alerta

A melhor forma de garantir a qualidade do serviço é acompanhar de perto tudo o que está sendo feito, sempre. É claro que, em algumas situações, não é possível estar a par de tudo que o mecânico está fazendo, mas é importante se manter sempre vigilante.

Não é porque o serviço foi bem feito num dia, que no outro ele será igualmente bem feito. Mantenha-se atento, para não ter surpresas indesejadas com o seu carro por algum eventual erro.

Saiba o custo de tudo

Uma forma simples de fiscalizar o trabalho do mecânico de carros é pedir o orçamento detalhado, separando o valor das peças a serem trocadas do valor da mão de obra.

Dessa forma, é mais fácil verificar se o valor que está sendo cobrado vai de acordo com o preço de mercado, ou se o valor da mão de obra está sendo superfaturado. Em alguns casos, o simples pedido do orçamento em detalhes já evita uma cobrança com superfaturamento.

Procure boas indicações com amigos e familiares

As indicações são sempre um bom parâmetro para a escolha do mecânico de carros. Procure amigos e familiares que já são clientes fidelizados de alguma oficina, se informe sobre a reputação do estabelecimento, se já ficaram insatisfeitos com alguma conduta, ou coisa parecida.

É importante lembrar que a indicação é apenas uma das coisas a serem levadas em consideração na hora de escolher um bom mecânico, mas esse recurso não deve ser menosprezado.

Conhecer a sua oficina de confiança depende de muitas variáveis diferentes, sendo necessário um estudo apropriado da concorrência e dos procedimentos de manutenção normalmente realizados.

O mecânico de carros é o principal responsável pela manutenção do bom estado do seu veículo, o que significa que a sua segurança na estrada depende das habilidades desse profissional.

Porém, até para saber dialogar com o mecânico e conseguir avaliar suas habilidades para fazer os serviços, é necessário ter algum conhecimento sobre o assunto. Quer se informar mais sobre manutenção automotiva? Acompanhe as novidades assinando a nossa newsletter e receba tudo em seu e-mail!

COMPARTILHE: